fibra

mais alta qualidade sementes de chia, maca e moringa em pó para o menor preço de exportação direta

Belgique - graines de chia chia seeds Canada Česká republika - Chia semínka Danmark - Chia frø chiazaad chiaseeds Italia - semi di chia България - семена от чиа Eesti - Chia seemned Suomi - Chia siemenet Österreich - Chiasamen Magyarország - chia mag Ελλάδα - Chia σπόροι Latvija - chia sēklas

Lietuva - Chia sėklos Slovensko - chia semená Slovenija - chia semena Chiasamen Deutschland semillas de chía España graines de chia France Chia frø Norge chia seeds Ireland Polska - nasiona Chia Portugal - sementes de chiaSchweiz - Chiasamensverige - Chia frön chiaseeds United Kingdom

Loading...
Shopping Cart: 0,00 €

O seu carrinho de compras está vazio

os benefícios da sementes de chia como rico fonte de fibra

fibra

benefícios de sementes de chia

omega 3

proteína

diabetes

sementes de chia para emagrecer

perder barriga

nutrição

fibra

triglicéridos

doenças cardiovasculares

contra-indicações

chia propriedades

comparação chia e outros sementes

girassol

sementes de chia branco

american diabetes association

diabetes research institute

diabetes

 

as fibras e seu impacto sobre o cancro do cólon, triglicerídeos, colesterol e perda de peso

Sabe-se que as fibras são importantes, mas não sabemos mais sobre elas, por isso permanecem sendo um mistério. O que são exatamente as fibras e quais são os exatos benefícios para a saúde? Basicamente, as fibras são carboidratos que são capazes de serem digeridos. Nem todas as fibras são iguais, as solúveis se dissolvem parcialmente em água, já as insolúveis não dissolvem em água. Essa diferença é importante quando se trata das fibras e seus efeitos sobre diferentes doenças. Quanto mais calorias ingerir, mais fibras você vai precisar. Em geral, os adultos devem consumir entre 30 e 35 gramas de fibra dietética por dia. As sementes de chia proporcionam a ingestão diária de fibras que falta.

As sementes de chia e o câncer colorretal

As sementes de chia têm uma mistura única de fibra insolúvel e solúvel. A fibra insolúvel não é muito adequada para a fermentação, mas é importante para o cólon. A fibra insolúvel não apenas constitui a maior parte das fezes, mas também faz com que a fermentação se desenvolva ao longo de todo o cólon, incluindo o final, onde se produz a maior parte do câncer colorretal. Sem a existência da fibra insolúvel, a maior parte da fermentação teria que ocorrer na parte inicial do cólon, deixando seu extremo propenso ao cancêr.

As fibras e as doenças cardiovasculares

Vários estudos indicam que uma alta ingestão de fibra dietética está associado a um menor risco de doenças cardíacas. Em um estudo de Harvard encontrou-se que uma elevada ingestão de fibra dietética tem um menor risco de doença arterial coronária de 40%.

As sementes de chia têm uma mistura única de fibra insolúvel e solúvel. A fibra insolúvel não é muito adequada para a fermentação, mas é importante para o cólon. A fibra insolúvel não apenas constitui a maior parte das fezes, mas também faz com que a fermentação se desenvolva ao longo de todo o cólon, incluindo o final, onde se produz a maior parte do câncer colorretal. Sem a existência da fibra insolúvel, a maior parte da fermentação teria que ocorrer na parte inicial do cólon, deixando seu extremo propenso ao cancêr. Em outro estudo de Harvard realizado com enfermeiras, verificou-se que as fibras de cereais eram, particularmente, benéficas e obteve-se os mesmos resultados.

Ademais, a fibra também está relacionada com a síndrome metabólica, um conjunto de elementos que aumentam as possibilidades de diabetes e o desenvolvimento de doenças cardíacas. Esses elementos incluem a pressão arterial alta, um alto nível de insulina, excesso de peso (principalmente a gordura abdominal), altos níveis de triglicerídeos e baixos níveis de HDL (colesterol bom). Diferentes estudos mostram que uma maior ingestão de fibras de cereais e grão integrais são capazes de inverter essas síndromes que são cada vez mais comuns. Um estudo afirma que nos últimos tempos "a ingestão de grãos integrais foi associada de forma favorável em relação aos fatores de risco metabólicos da diabetes tipo 2 e às doenças cardiovasculares..."  

A fibra retarda o processo de quebra dos alimentos em açúcar, o que resulta em níveis de açúcar mais estáveis. Veja também mais açúcares e a chia e a seção da diabetes. Uma vez que as sementes de chia entram em contato com um líquido, elas se tornam volumosas e isso oferece uma sensação de saciedade. A fibra solúvel, também chamada de fibra viscosa, retêm água assim como as sementes de chia, ela desacelera o esvaziamento do estômago, e isso sucede principalmente quando é ingerida com um pouco de gordura e muito líquido. Esse efeito de desaceleração também acontece com os alimentos no intestino delgado. Lá, a presença da fibra solúvel, tipo gel, como as sementes de chia, causa a desaceleração, enquanto a fibra insolúvel acelera o tempo de trânsito intestinal. Um fato é que as sementes de chia podem absorver até 10 e 12 vezes o seu peso em água, de forma que as sementes de chia se convertem em uma substância gelatinosa que se expandem no estômago.

Questo effetto di rallentamento vale anche per il cibo nel piccolo intestino. Anche qui la presenza della fibra solubile gelatinosa, come nei semi di Chia, rallenta mentre la fibra insolubile accelera. Infatti i semi di Chia sono in grado di assorbire fino a 10-12 volte il loro peso in acqua, attraverso cui i semi di Chia diventano una sostanza gelatinosa che fanno riempire lo stomaco. In realtà, solo 1 oncia di semi di Chia rappresenta un terzo della dose giornaliera di fibre raccomandata. I semi di Chia contengono il 40% di fibre in peso. Pertanto, l'aggiunta di semi di Chia nella dieta è un modo semplice per garantire a se stessi una buona quantità di fibre, che è essenziale per la salute dell'apparato digerente.

Conclusioni: Le fibre si sono dimostrate utili in molti modi, come nel ridurre il cancro al colon, abbassare i rischi di malattie al cuore, migliorare il metabolismo corporeo, che implica abbassare la pressione sanguigna, alti livelli di insulina e rischio di diabete. Le fibre stabilizzano il processo naturale della scissione del cibo in zuccheri, il che stabilizza il livello di zuccheri nel sangue. Esse ci fanno anche sentire sazi senza aver mangiato molto.

Dal momento che l’italiano medio mangia 15 grammi di proteine al giorno mentre il suo fabbisogno giornaliero è 30-35 grammi, i semi di Chia sono una fonte sempre pronta di fibre per soddisfare il fabbisogno giornaliero.